Olimpíadas no varejo: veja três dicas para ganhar a medalha de ouro no seu negócio

Entre os meses de julho e agosto deste ano, ocorreu no Japão a 32ª edição das Olimpíadas da Era Moderna. Após um ano de tantas incertezas, com a prorrogação e a possibilidade de cancelamento dos jogos por conta da COVID-19, a competição finalmente aconteceu e os atletas puderam competir no maior evento esportivo mundial.

Assim como os jogos olímpicos, o varejo também sofreu um ano de indefinições por conta da pandemia que ainda assola o mundo. Devido aos decretos estaduais para conter o contágio da doença, muitos comerciantes tiveram que trabalhar de forma reduzida ou muitas vezes se viram obrigados a fechar seu negócio por medidas de segurança. Mesmo com as dificuldades, no primeiro trimestre de 2021 o varejo apresentou um crescimento nas vendas e a expectativa é que essa evolução continue nos próximos meses de 2021.

Do mesmo modo que os atletas se preparam para os grandes desafios e, consequentemente, para os jogos olímpicos, o comércio também deve se organizar para conseguir os melhores resultados em seus empreendimentos. Abaixo, vou listar algumas dicas para que você e seu negócio consigam conquistar medalha de ouro.

  1. Destaque o lado humano. Muitas vezes pensamos que os atletas são espécies de super-heróis, que eles não possuem fraqueza, mas podemos perceber que tanto nas cerimônias quanto durante os jogos algo que é inquestionável é que eles são “gente como a gente”. Demonstre isso para seus consumidores, mostre para eles o lado humanitário de seu negócio.
  2. Seja bom naquilo que você se propõe a fazer. Porém, como vimos nas olimpíadas, em alguns casos precisamos romper a linha de ser apenas bom e ser ótimo para conquistarmos o que buscamos. Quando um cliente sai de sua casa disposto a comprar algo, ele espera receber o melhor pelo dinheiro que irá gastar. O atendimento, neste caso, pode ser decisivo. E para prestar um serviço de qualidade é preciso entender qual o seu público alvo, para traçar estratégias que sejam compatíveis com as suas expectativas.
  3. Esteja preparado para competir a todo momento. No esporte é comum ouvir frases como “ele chega para competir longe de sua forma física ideal”; “o atleta não chegou no seu melhor momento”; “não conseguiu se preparar de uma maneira correta”. No varejo também escutamos esse tipo de frase, dizendo que a empresa não está preparada para o crescimento, para a oscilação que pode ocorrer no mercado ou até mesmo para a queda nas vendas. Isso pode ser visto como uma falta de planejamento, então esteja pronto para entender o movimento do mercado e para possíveis adversidades.

No final, as organizações, que melhor estiverem preparadas, adotando estratégias diferenciadas e eficientes para reforçar seu posicionamento dentro do seu modelo de negócio, possivelmente, desfrutarão do lugar mais alto do pódio nas vendas do comércio.

Fonte: New Trade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

× Fale conosco! Available from 08:00 to 22:00