Magalu oferece bolsas de estudo para curso de tecnologia

Magalu abriu as inscrições para uma nova turma do programa Luiza Code, seu curso para formar desenvolvedoras de software.

Com parceria da escola Gama Academy, a varejista oferece 210 bolsas de estudo exclusivas para mulheres na terceira edição do programa.

Nas outras duas edições, o programa teve mais de 10 mil inscritas e mais de 30 ex-alunas foram contratadas.

Metade das vagas será reservada para o público interno da empresa; entre as bolsas abertas para o público externo, 50% delas serão voltadas para mulheres negras.

Para se inscrever, não é necessário ter formação na área ou curso superior. Mas é um requisito ter algum conhecimento iniciante de programação.

O objetivo é aumentar a diversidade de gênero na área de tecnologia da empresa e também no mercado de trabalho brasileiro. Esse setor, além de sofrer com a escassez de mão de obra, ainda é predominantemente masculino.

Para a nova edição, serão duas turmas de 105 mulheres que poderão escolher entre duas trilhas: a linguagem Node.js ou a ferramenta Google Cloud.

Segundo Patricia Pugas, diretora executiva de gestão de pessoas do Magalu, o programa é uma oportunidade para aprender com a equipe do Luizalabs, o time de tecnologia da companhia.

“O Luiza Code é uma chance para mulheres que desejam mudar de carreira ou conquistar uma vaga em uma das maiores empresas de tecnologia do país”, diz.

As aulas duram cinco semanas e acontecem de segunda a sábado, em treinamento online com mais de 100 horas de conteúdo.

Após a conclusão do curso, as alunas recebem certificado, além de mentoria e treinamento para participar de processos seletivos.

As inscrições vão até o dia 25 de julho pelo site.

Fonte: New Trade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

× Fale conosco! Available from 08:00 to 22:00